Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Gonzaguinha tem lançado, com 'suporte' de cantor de timbre similar, samba inédito censurado em 1973

 "Vetada. Crítica à passividade e acomodação burguesa, à nacionalidade e ao mito herói"

 

A letra censurada está em Arquivo Nacional, Serviço de Censura de Diversões Públicas (BR RJANRIO TN CPR LMU 04074).

 

Luiz Gonzaga do Nascimento Júnior (22 de setembro de 1945 – 29 de abril de 1991), o Gonzaguinha, foi um dos alvos preferenciais da censura do governo militar brasileiro nos anos 1970. Das 72 composições enviadas pelo compositor carioca para avaliação dos censores, nada menos do que 54 foram vetadas em primeira instância. Uma delas é Céu-País, samba composto em 1973 que permaneceu inédito ao longo dos últimos 45 anos.

Sem cacife para figurar entre os melhores sambas da lavra de Gonzaguinha, Céu-País está sendo lançado neste mês de agosto de 2018 em ação de marketing orquestrada por marca de cerveja.

O samba sai do fundo do baú da censura com a impressão de ter sido gravado por Gonzaguinha. Na verdade, como explica comunicado da empresa patrocinadora da ação, a gravação foi feita com o suporte da voz de cantor de identidade ignorada, mas de timbre similar ao de Gonzaguinha, sem deixar de usar a voz do compositor do samba.

"Ao longo (da gravação) da música, foram usadas reconstruções feitas com a voz do próprio compositor e cantor carioca, retiradas de diversos materiais gravados em vida, recortes feitos palavra por palavra, vindas de entrevistas, áudios e outros materiais originais. Assim, a voz de Gonzaguinha foi recriada com o suporte de outro cantor, que possui tom de voz próximo ao dele", diz a nota oficial sobre a gravação.

Como o samba não chega a empolgar, Céu-País deverá permanecer no esquecimento com ou sem a voz de Gonzaguinha.

 

Fonte: G1, blog do Mauro ferreira, 31/08/2018
Disponível em: https://g1.globo.com/pop-arte/musica/blog/mauro-ferreira/post/2018/08/31/gonzaguinha-tem-lancado-com-suporte-de-cantor-de-timbre-similar-inedito-samba-censurado-em-1973.ghtml 

registrado em:
Fim do conteúdo da página